A OEA disse que a Venezuela sofreu um golpe de Estado e foi convertida de vez em ditadura

A OEA disse que a Venezuela sofreu um golpe de Estado e foi convertida de vez em ditadura

O maior jornal da Espanha se chama El País. E o diário foi muito claro nesse 30 de março de 2017 a destacar em editorial que Nicolás Maduro deu um golpe de Estado na Venezuela. Com isso, o país concluiu uma transição da democracia para a ditadura, algo que aconteceu basicamente com todas as nações que ousaram experimentar o socialismo.

O editorial abre com um parágrafo muito claro:

“O cancelamento dos poderes da Assembleia Nacional venezuelana, a transferência destes para a Suprema Corte – controlada pelo chavismo – e a aprovação de poderes extraordinários em matéria penal, militar, assuntos económicos, sociais, políticos e civis por Nicolás Maduro, representam um golpe institucional de extrema gravidade, sem paralelo desde o início da crise institucional na Venezuela.”

Mas não era só a opinião de um jornal. Luís Almagro, secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), concordou que de fato ocorreu um golpe de Estado e defendeu a convocação de uma reunião urgente da entidade.

Aqui no Implicante, a Venezuela já é tratada por ditadura há tempos. Mas nada disso deixa a notícia menos grave. Contudo, com nomes de peso endossando a visão, espera-se que finalmente tomem alguma atitude.