Análise: eventual vitória de Temer no TSE será uma vitória ainda maior para Lula e PT

Análise: eventual vitória de Temer no TSE será uma vitória ainda maior para Lula e PT

Falamos há pouco da provável vitória de Michel Temer no TSE, considerando que a maioria dos ministros indicou rejeitar as delações da Odebrecht e dos marqueteiros como prova. Com isso, a aposta mais forte é pela absolvição da chapa Dilma-Temer.

Por questões óbvias, será algo bom para o PT, afinal, a campanha de Dilma em 2014 não seria condenada pela justiça eleitoral, o que é sempre um dado positivo. Mas é mais que isso, bem mais que isso. Muito, mas muito mais do que isso.

Como já analisamos outra oportunidade, a derrota no TSE configuraria catástrofe à narrativa do PT. Basicamente, anularia pela raiz a conversa do “golpe”. E, quanto à mesma narrativa, a recíproca é infelizmente verdadeira.

Não, o impeachment não passará a ser um “golpe” nem nada do tipo. Mas, sim, os petistas usarão a vitória na justiça eleitoral como elemento para a ficção do golpismo. No fundo, eles sabem muito bem que Temer dificilmente cairá e, caso isso aconteça, o Congresso elegerá indiretamente alguém ligado ao atual governismo.

A vitória no TSE, portanto, é boa para Temer, mas chega a ser melhora ainda para a narrativa do PT. Podem anotar: em bem pouco tempo começará o discurso “justiça eleitoral confirma que eleição foi legítima” (e, claro, não confirmou nem confirmará nada, porém o discurso será assim).