Lula pediu a Sérgio Moro para viajar a Cuba em homenagem ao ditador Fidel Castro

Lula pediu a Sérgio Moro para viajar a Cuba em homenagem ao ditador Fidel Castro

Pela lei, por ser réu em algumas ações penais, Lula precisa notificar as autoridades caso se ausente do país por mais de uma semana. Nem é o caso agora, já que pretende ir a Cuba homenagear Fidel Castro, participando da cerimônia fúnebre do ditador. Mesmo assim, a defesa do ex-presidente pediu autorização a Sérgio Moro e aguarda dele um sinal positivo.

É um movimento curioso. Pois a postura dos advogados de Lula é combativa, de enfrentamento ao trabalho da Lava Jato. Trata-se de uma estratégia que deu bastante errado com a Odebrecht, mas, de alguma forma, o petista achou interessante tocar adiante. O mais natural, portanto, seria viajar sem prestar contas, uma vez que a lei não o impede de fazer isso em período tão curto.

Ou Lula só quer peitar Moro diante das câmeras forjando mais uma narrativa na qual se safa ao final?