Mais essa: decisão favorável no TSE pode alavancar candidatura de Dilma Rousseff ao Senado

Como analisamos ontem, eventual vitória da chapa Dilma-Temer no TSE pode ser até melhor para o PT do que ao atual Presidente da República. Isso porque, em síntese, daria fôlego à narrativa comprovadamente furada do impeachment ter sido um “golpe”.

Para piorar, segundo informa o Expresso da Época, isso poderia dar força à candidatura de Dilma Rousseff ao Senado Federal, pelo Rio Grande do Sul. E seu “concorrente” no partido, Paulo Paim, que atualmente é senador por aquele estado, já estaria cogitando a hipótese e teria ameaçado deixar a legenda.

Claro que não seria algo fácil, já que a última pesquisa não colocou Dilma em boa posição. Mas também não se sabe que tipo de impacto positivo a provável decisão favorável do TSE exercerá no eleitorado gaúcho.

Enfim, tudo pode piorar.